Santiago do Chile - Roteiro de 3 dias

Por Marianne Teixeira


Olá, pessoal.

Profissão Turista vem com mais um lugar incrível para mostrar para vocês. No último feriado do Dia do Trabalho, entre os dias 30/4 e 4/5/14, estive em Santiago do Chile!! Sabem aquelas viagens malucas programadas quando pintam promoções de passagem aérea?! Tipo assim...

Não tive muito tempo para elaborar um roteiro, então consultei meus gurus de viagem e tentei seguir suas dicas. No final deste post, deixarei links que me ajudaram bastante.

Escolhemos um hotel em Providência, bairro com bastante comércio, bares, pubs e transporte público. Li essa dica nos sites que consultei, apostei e, hoje, também recomendo! Além do metrô próximo, a localização é ótima, de modo que conseguimos fazer muitas coisas a pé.

Chegamos ao aeroporto de Santiago por volta de 1h da manhã. Como não tínhamos comprado pesos chilenos, fizemos um saque logo na saída da área de desembarque, nos caixas eletrônicos localizados em frente aos guichês de taxi (não esqueçam de habilitar os cartões para tal, aviso de viagem e etc). Em seguida, tomamos um táxi pré-pago da Taxi Oficial, cujo o preço é tabelado de acordo com o bairro de destino.

Santiago já é incrível desde a saída do aeroporto. O percurso do táxi foi através de pistas expressas, limpas e com boa pavimentação. Chegamos bem rápido! Aliás, vale comentar que táxi nesta cidade é em conta, comparado aos padrões brasileiros.

Como estávamos exaustos e era super tarde, ao chegar no hotel, nos limitamos a comer um cachorro quente com purê de abacate que é super tradicional no Chile.

Daí em diante relatarei o roteiro de cada dia separadamente:


DIA 1:

Acordamos cedo, mas não o suficiente para fazer algum passeio guiado na parte da manhã. Praticamente todos saem entre 8:30 e 9:30 e te buscam no hotel. O próprio hotel pode agendar com as agências que ele mesmo indica. Como não conseguimos sair cedo, agendamos um passeio ao Valle Nevado às 14:30 com a agência TurisTour.

Embora fosse o primeiro final de semana de maio, período que inicia a possibilidade de neve no Valle (ou seja, ainda não esperado), eu não perderia uma visita às Cordilheiras dos Andes por nada.

(Parênteses para falar de agências de turismo) :: A mais famosa de todas é a Turistik e era a mais indicada do hotel, que inclusive faz o passeio tradicional de city tour em um ônibus com diversas paradas - Hip on / Hip off. Parece ter credibilidade no mercado, o que também contribui para o seu preço ser o mais alto. Não fiz nenhum passeio com eles, pois outros tours se encaixaram melhor nos meus horários e programações. A TurisTour, também indicada pelo hotel, oferece preços semelhantes e me atendeu muito bem no passeio ao Valle Nevado. Recomendo. Por último, conheci a TicketTour no Mercado Central (no dia 2) com preços bem mais em conta, praticamente a metade do preço da Turistik. Fiz um passeio com eles e foi muito bom também.

Antes do passeio programado, fomos bater perna sem rumo pelo bairro da Providência. O passeio foi tão agradável pelas ruas de Santiago que chegamos até o bairro de Bellavista, muito famoso pelo Pátio BellaVista, que reune inúmeros bares, restaurantes famosos, pubs e discotecas. Local imperdível. Passeamos por lá e em seguida almoçamos no restaurante Galindo, bem cheio e frequentado por chilenos (não só por turistas, como eu)!! Recomendo! Comemos camarões ao alho e salmon, ambos muito bons e a preços justos.


Caminhada pelas ruas de Santiago


Camarões ao alho do Restaurante Galindo

Na parte da tarde, fomos para o Valle Nevado. Foi surpresa para todos a aparição da neve na madrugada do dia 1/5 e nem os guias estavam preparados! Como de prache, eles nos levaram até uma loja para alugarmos botas e casacos específicos para neve. Também vendem luvas e gorros. Eu estava de bota, mas ainda assim a guia me orientou a alugar uma bota específica e não me arrependo. Inclusive comprei luva e gorro e foram muito úteis!!! Se souberem que há neve, vão preparados ou então aluguem. Isso permitirá que curtam mais tempo brincando na neve. Caso contrário, não conseguirão suportar durante muito tempo.

A subida até o Valle tem uma vista maravilhosa da Cordilheira, mas também conta com sinuosas curvas!! Sinuosas mesmo!! Como a neve já caia, antes de chegar no Valle já precisamos colocar correntes nas rodas do ônibus e daí nós turistas aproveitamos essa paradinha para muitas fotos, lógico!

Por fim, chegamos ao Valle. A estação de esqui estava fechada, pois, como falei, não era esperada neve tão cedo! Entretanto, pudemos deliciar um chocolate quente na lanchonete que há na estação. Voltamos por volta de 21h.


Valle Nevado (01/05/14)

À noite, feriado, vários bares fechados, decidimos ficar em um barzinho próximo ao hotel na famosa Rua Manuel Montt, que tem várias opções noturnas, mas poucas abertas neste dia. Experimentei a cerveja local Becker e descobri que empanada chilena não tem nada a ver com as argentinas. As chilenas são na verdade pastéis!!

DIA 2:

Dia de bater perna pela cidade e conhecer o centro. Começamos a caminhada até a Rua Pío Nono para tormarmos um trem, chamado Funicular, que nos leva ao Cerro San Cristóbal, um dos dois morros localizados no meio da cidade e que a partir deles temos uma vista linda de Santiago com a Cordilheira ao fundo. Vale muito a pena a vista!! Ainda aproveitamos para experimentar o Mote con Huesillo, doce típico chileno feito com pêssego em calda e amido.


Subida ao Cerro San Cristóbal pelo Funicular



Vista do Cerro San Cristóbal

Mote con Huesillo - doce gelado chileno
De lá seguimos para uma das casas de Pablo Neruda - La Chascona, localizada bem ao lado da praça que tomamos o Funicular. Essa casa ele fez para sua amante, com a qual ele viveu, após separado, até seus últimos dias. Visita guiada, com riqueza de detalhes, que recomendo.

Continuamos o passeio a pé seguindo para o centro, até a Catedral de Santiago. Ela estava em obras, o que impossibilitou fotos bonitas de fora, mas seu interior é divino e vale a pena conhecer. Na mesma praça visitamos o Museu Nacional e algumas lojas de sapatos com bons preços para botas e afins. No centro ainda há muitas coisas interessantes para visitar, mas nosso tempo era curto.

Seguimos para o Mercado Municipal, conhecemos e almoçamos no restaurante Donde Augusto. Bom atendimento e comida bem servida. Preço um pouco salgado.

Desistimos de bater perna e experimentamos o metrô. Recomendo utilizar. Rápido e confortável.

Para encerrar o dia, fomos jantar no famoso restaurante Giratorio. Hoje ele está longe de ser o prédio mais alto, mas tem seu glamour. Lembrando que é um ponto turístico, ou seja, só tinha brasileiro! Uma chilena nos recomendou um restaurante, localizado no quinto andar do mesmo prédio do Giratorio, mas preferimos turistar na janta daquela noite!!

DIA 3:

Agendamos para este último dia a ida às cidades de Valparaiso e Viña del Mar, incluindo uma visita à vinícola Veramonte. (Tour fechado com a empresa TicketTour, enquanto almoçava no Mercado, conforme falado acima).

Para chegar a esses lugares precisamos cruzar a Cordilheira da Costa por túnel. Percurso muito bonito.



Vinícola Veramonte

Valparaiso é uma cidade histórica, com um grande porto, onde "ricos" e "pobres" moram nas grandes ladeiras da cidade bem ao lado um do outro (palavras do guia). Bem confuso, mas interessante de conhecer. Visitamos também outra casa de Pablo Nerura - La Sebastiana. Almoçamos por lá em um restaurante onde todas as agências levam os grupos - Castillo del Mar. A vista do restaurante é linda e os pratos bons, mas não diria excelentes, pelo menos quanto à escolha que fizemos.


Vista do porto de Valparaiso com a cidade ao fundo - Oceano Pacífico

Viña del Mar é uma cidade praiana onde a população frequenta a praia de casaco!! Belas casas, casino e bares. Gostei mais de Viña que de Valparaiso, confesso.


Relógio de Flores em Viña del Mar


Prédios em frente a praia em Viña del Mar
Os prédio são projetados seguindo o morro, de modo que cada varanda tenha seu teto aberto, sem que o andar de cima prejudique a vista e a entrada do sol do andar abaixo.


Para fechar o dia e o nosso roteiro, à noite fomos para o Pátio BellaVista e comemos uma pizza chilena maravilhosa e com bom preço no restaurante Abtao Resto Bar, que localizasse bem próximo ao pátio. Experimentamos a pimenta merkén servida com a pizza em pote separado, bem forte, mas muito saborosa. Queríamos ficar para uma baladinha, mas às 5 da manhã. já estaríamos a caminho do aeroporto para voltar para casa. Vale comentar que a balada pelo Pátio deve ter sido boa, pois por volta de 5h passamos de táxi e muitas pessoas circulavam saindo da noitada!!



Pizza chilena - Restaurante Abtao Resto Bar
Foi uma viagem breve, onde vimos até mais que esperávamos e ainda conseguimos fazer tudo sem desespero. Claro que muitas dicas lidas aqui e obtidas lá ficarão para uma próxima vez, pois com certeza é uma cidade que quero voltar!!!

Alguns restaurantes que valem a pena ir, segundo recomendações locais:
- Como água para chocolate
- OX

Blogs e Sites que contribuíram para minha viagem:
- Like Chile
- Meus Roteiros de Viagem
- Viaje na Viagem
- Viagens Imagens


Dúvidas, sugestões e afins, fiquem à vontade!!

Até a próxima parada,


Comentários

  1. Mariane,
    Muito bom o post. Na minha ida a Santiago, praticamente conheci os mesmo lugares, exceto Valparaíso e Vina del Mar, pois minha viagem foi de 3 dias.
    Parabéns pelo blg e sucesso. Também iniciei meu blog recentemente e se quiser me visitar acesse : http://curioviagens.blogspot.com

    bjosss

    Thais

    ResponderExcluir
  2. Olá, Thais!

    Amei Santiago! Você gostou?

    Desculpa a demora na resposta. Estou em viagem e com internet limitada.

    Que ótimo que iniciou seu blog. Eu adoro dar e receber dicas de viagem. Acho muito prazerosa essa troca! Vamos fazer muitas então.

    Vou salvar seu blog nos favoritos.

    Grande beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Marianne,
      Estou acompanhando sua viagem pela Europa....muito bom viajar ne!!!
      Essa semana também estou indo.....
      Vamos nos falando e trocando experiências.
      Seu blog também está nos meus favoritos ;)
      Também falei com a Natália pelo face!!!
      Sucesso e boa viagem.
      Beijos

      Thais

      Excluir
  3. Oi Mariane... tudo bem? Estou de viagem marcada oa Chile final deste mês e pretendo ir até uma estação de esqui e a Valparaíso. Você reservou/ comprou passagem com antecedência ou é possível fazer a escolha das agências na hora, no hotel?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!! Boa noite!

      Não reservei nada com antecedência, mas no meu caso não esquiei. No caso só de passeios não vejo problema de reservar no hotel, até para melhor escolher o dia de acordo com as condições climáticas.

      Abs.,
      Mari

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Ótimas informações. Percebe-se cuidado nas mesmas e foram detalhadas num nível que torna agradável a leitura. Parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Marcelo!! Muito obrigada pelo retorno. Escrevemos com muito carinho e exclusivamente para compartilhar e ajudar as pessoas que também buscam esses destinos. Receber um feedback de quem lê é muito gratificante.

      Abraços,
      Mari

      Excluir
  6. Mariiii...estamos aqui contando os minutos!!! Quero Santiago :)
    Adorei as dicas. Aproveitarei várias na minha viagem ;)
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh!! Agora que vi!! Aproveitem muito!!! :)

      Beijinhos.

      Excluir
  7. Adorei tudo! Estaremos no Chile em novembro e todas as dicas serão muito úteis! Uma dúvida a última agência que vc citou a ticket tour o guia falava português? Desde já agradeço muito.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!!! Que bom que gostou! Espero que ajude mesmo.
      O guia não falava português, mas não era difícil entendê-lo. Eles são pacientes e se fazem entender com facilidade.
      Aproveite sua viagem!
      Abraços,
      Mari.

      Excluir
  8. Menina, parabéns pelo posto! Muito explicativo e útil para quem vai para lá!
    Vc lembra quanto pagou pelo aluguel das botas próprias para neve? Queria ter uma ideia de preço. Vc tbm alugou a calça?
    Abraços, Deborah

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por deixar o seu comentário por aqui :)

Postagens mais visitadas